Websites | Serviços | Webmail | Ferramentas | Área reservada

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional
Título:  Eficácia das intervenções de enfermagem na recuperação pós-operatória de pessoas com cancro gástrico: revisão sistemática literatura
Autores:  Noélia Cristina Rodrigues Pimenta Gomes*; Célia Samarina Vilaça de Brito Santos**;
Maria Merícia Gouveia Rodrigues Bettencourt de Jesus***; Marco António da Silva Henriques****
Orientadores: 
Recebido para publicação:  2016-07-01
Aceite para publicação:  2016-11-23
Secção:  Artigo de Revisão/Artigos Teóricos-Ensaios
Ano:  2016
DOI:  http://dx.doi.org/10.12707/RIV16050

Resumo
Contexto: O cancro gástrico é um problema mundial de saúde, sendo a intervenção cirúrgica a mais frequente forma de tratamento curativo.
Objetivos: Analisar e sintetizar os programas/intervenções de enfermagem e a sua eficácia na recuperação pós-operatória de pessoas com cancro gástrico.
Método de Revisão: Utilizando como referência uma questão PICO, realizou-se a revisão dos artigos publicados entre 2005 e 2015, que avaliaram a eficácia dos programas/intervenções de enfermagem na recuperação pós-operatória das pessoas com cancro gástrico, com idade superior ou igual a 18 anos. Pesquisou-se nas bases de dados: CINAHL®, Cochrane Central Register of Controlled Trials, MedicLatina e MEDLINE®. Qualidade metodológica foi avaliada segundo as recomendações do Instituto Joanna Briggs®.
Interpretação dos Resultados: Três estudos foram incluídos, os quais sustentam a eficácia das intervenções na redução do declínio funcional e nutricional, melhoria da função cognitiva, conhecimento e capacidade de lidar com a doença.
Conclusão: Os programas/intervenções de enfermagem contribuem para a recuperação pós-operatória das pessoas com cancro gástrico. Recomenda-se o reforço da investigação para fortalecer os resultados encontrados.

Palavras-chave
neoplasias gástricas; procedimentos cirúrgicos, gastrectomia; enfermagem
Ahn, H. S., Yook, J. H., Park, Ch. H., Park, Y. K., Wansik, Y., Lee, M-S., … Yang, H-K. (2011). General perioperative management of gastric cancer patients at high-volume centres. Gastric Cancer, 14(2), 178–182. doi:10.1007/s10120-011-0012-x
American Cancer Society. (2014). Stomach cancer. Recuperado de http://www.cancer.org/acs/groups/cid/documents/webcontent/003141-pdf.pdf
Araújo, D. (2014). O efeito da utilização da chupeta na prevenção do síndrome de morte súbita do lactente: Uma revisão sistemática da literatura com meta-análise (Dissertação de mestrado). Recuperado de http://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/9502/1/Disserta%C3%A7%C3%A3o_Denise1851.pdf
Chen, C. C., Lin, M.T., Tien, Y. W., Yen, C. J.,Huang, G. H., & Inouye, S. K. (2011). Modified hospital elder life program: Effects on abdominal surgery patients. Journal Of The American College Of Surgeons, 213(2), 245-252. doi:10.1016/j.jamcollsurg.2011.05.004
Diaz-Nieto, R., Orti-Rodríguez, R., & Winslet, M. (2013). Post-surgical chemotherapy versus surgery alone for resectable gastric cancer. Cochrane Database of Systematic Reviews, 9. doi:10.1002/14651858.CD008415.pub2
Faller, H., Koch, G. F., Reusch, A., Pauli, P., & Allgayer, H. (2009). Effectiveness of education for gastric cancer patients: A controlled prospective trial comparing interactive vs. lecture-based programs. Patient Education & Counseling, 76(1), 91-98. doi:10.1016/j.pec.2008.11.021
International Agency for Research on Cancer, World Health Organization. (2014). Helicobacter pylori eradication as a strategy for preventing gastric cancer. Recuperado de https://www.iarc.fr/en/publications/pdfs-online/wrk/wrk8/Helicobacter_pylori_Eradication.pdf
Joanna Briggs Institute. (2011). Joanna Briggs Institute reviewers’ manual 2011 edition. Recuperado de http://joannabriggs.org/assets/docs/sumari/reviewersmanual-2011.pdf
Joanna Briggs Institute. (2014). Joanna Briggs Institute reviewers’ manual. Recuperado de http://joannabriggs.org/assets/docs/sumari/reviewersmanual-2014.pdf
Laporte, A. G., Weston, A. C., Paludo, A. O., Castria, T. B., & Kalil, A. N. (2014). Análise epidemiológica dos adenocarcinomas gástricos ressecados em um serviço de cirurgia oncológica. Revista da AMRIGS, 58(2), 121-125. Recuperado de http://www.amrigs.org.br/revista/58-02/005.pdf
Malmstrom, M., Ivarsson, B., Johansson, J., & Klefsgard, R. (2013). Long-term experiences after oesophagectomy/gastrectomy for cancer: A focus group study. International Journal of Nursing Studies, 50, 44-52. Recuperado de http://www.journalofnursingstudies.com/article/S0020-7489(12)00284-2/pdf
Mello, B. S., Lucena, A. F., Echer, I. C., & Luzia, M. F. (2010). Patients with gastric cancer who have undergone gastrectomy: An integrated review. Revista Gaucha de Enfermagem, 31(4), 803-811. Recuperado de http://www.scielo.br/pdf/rgenf/v31n4/a26v31n4.pdf
Melo, M. (2005). Comunicação com o doente: Certezas e incógnitas. Lisboa, Portugal: Lusociência.
Park, M., & Park, H. (2010). Development of a nursing practice guideline for pre and post-operative care of gastric cancer patients. Healthcare Informatics Research, 16(4), 215-223. Recuperado de http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3092132/.
Pereira, A. L., & Bachion, M. M. (2006). Atualidades em revisão sistemática de literatura, critérios de força e grau de recomendação de evidência. Revista Gaúcha de Enfermagem, 27(4). Recuperado de http://seer.ufrgs.br/RevistaGauchadeEnfermagem/article/view/4633
Ruiz-Neto, P. P., Moreira, N. A., & Furlaneto, M. E. (2002). Delírio pós-anestésico. Revista Brasileira de Anestesiologia, 52(2), 242-250. Recuperado de http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0034-70942002000200013&script=sci_arttext
Sands, J. K. (2007). Problemas de estômago e duodeno. In F. D. Monahan, J. J. Sands, N. Neighbors, J. F. Marek, & C. J. Green (Eds.), Phipps enfermagem médico-cirúrgica: Perspectivas de saúde e doença (8ª ed., Vol. 3, pp. 1237-1272). Loures, Portugal: Lusociência.
Santos, M. G., & Fuly, P. S. (2014). Visita domiciliar e educação em saúde, promovendo qualidade de vida em pacientes oncológicos. Revista de Enfermagem UFPE On Line, 8(4), 904-909. doi:10.5205/reuol.5829-50065-1-ED-1.0804201415
Wittmann, E., Beaton, C., Lewis, W. G., Hopper, A. N., Zamawi, F., Jackson, C., . . . Crosby, T. D. L. (2011). Comparison of patients’ needs and doctors’ perceptions of information requirements related to a diagnosis of esophageal or gastric cancer. European Journal of Cancer Care, 20, 187-195.
Yamamoto, M., Rashid, O. M., & Wong, J. (2015). Surgical management of gastric cancer: The east vs west perspective. Journal Gastrointestinal Oncology, 6(1), 79-88. doi:10.3978/j.issn.2078-6891.2014.097
Texto integral
Total: 0 registo(s)
11 Rev. Enf. Ref. RIV16050 ING.pdf
11 Rev. Enf. Ref. RIV16050.pdf


[ Detalhes da edição ]