Websites | Serviços | Webmail | Ferramentas | Área reservada

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional
Título:  Tratamento da Esclerodermia doença auto imune através da auto-hemoterapia: um estudo de caso clínico
Autores:  Telma Geovanini
Manoel Mozart Corrêa Norberto
Orientadores: 
Recebido para publicação:  2008-09-08
Aceite para publicação:  2009-02-13
Secção:  Artigo de Investigação

Resumo
Neste estudo descritivo exploratório de natureza qualitativa, apresentamos o caso clínico da cliente ADB de 48 anos, branca, residente em lar, diagnóstico de Esclerodermia doença auto imune, portadora de extensas feridas com predominância de tecido necrótico, envolvendo a mama direita e os membros inferiores dos joelhos para baixo. A sua finalidade é demonstrar a efectividade do uso da auto-hemoterapia em feridas e lesões da pele, visando contribuir com evidências clínicas na área de Enfermagem em Práticas Integrativas e Complementares. A auto-hemoterapia é um método de tratamento controvertido, porém bem sucedido, usado especialmente em países da Europa. Consiste na auto estimulação do sistema imunológico através da retirada de determinado volume de sangue venoso do próprio paciente e aplicação imediata por via intra-muscular deste mesmo volume de sangue, sem nada acrescentar ao mesmo, técnica simples que estimula o aumento dos macrófagos pelo Sistema Monocítico Fagocitário, indicada especialmente em doenças auto imunes (Moura, 2006).
O tratamento de enfermagem e o follow-up médico, foram realizados através de visitas domiciliares à cliente, e obedeceu previamente a um protocolo de avaliação da rede venosa, complementado com registo fotográfico sistemático e progressivo das lesões. A cliente foi submetida exclusivamente à auto-hemoterapia durante 4 meses e limpeza das feridas com solução isotónica de Cloreto de magnésio a 10%. Como resultado deste tratamento, evidenciamos melhora acentuada do quadro clínico e das lesões, com granulação de 70% das áreas afectadas nos membros inferiores e cicatrização total da lesão mamária, conforme evidências fotográficas.

Palavras-chave
auto-hemoterapia; escleroderma sistémico; doenças auto-imunes, terapias complementares.
Texto integral
Total: 2 registo(s)
Revista Referência RII0823.pdf
Página 1 de 1


[ Detalhes da edição ] [ Voltar ]